Mark Holgate encontra esperança e honestidade no trabalho de Marine Serre

Esta história faz parte do Passado / Presente, uma série que destaca imagens e artigos deVogaque tenham significado pessoal para nossos editores.

Não é a facilidade e a liberdade, viver sem se preocupar enquanto se aquece no calor do sol, que fazem esta imagem de Zoë Ghertner de Natalia Vodianova da edição de julho de 2018 daVogatão edificante para mim. (Mas quem não está ansioso por um pouco disso agora? Estirar o pescoço para olhar o céu pela janela, empurrar-se o mais longe que você ousa na saída de incêndio, não conta realmente.) Em vez disso, é o que Vodianova vestindo - ou mais precisamente, quem o projetou, que seria o fuzileiro naval Serre - que traz um pouco de luz do sol para o cinza escancarado da vida hoje.

Esta foi uma das primeiras vezes que as roupas de Serre apareceram nas páginas deVoga,em uma história sobre todas as novas coberturas de lenço que estavam acontecendo naquela temporada. O visual de Serre era feito de lenços reciclados que ela comprou em Marselha - um ato típico dela para embelezar com sensibilidade e alma. No entanto, a outra coisa que está acontecendo aqui é a ênfase na responsabilidade social e sustentabilidade; há um romance neste vestido, com certeza, mas também uma honestidade inabalável sobre toda aquela moda que tão irrefletidamente, muitas vezes descuidadamente, deixa para trás.

Se alguém tem que buscar alegria, então vamos endossar fazer isso do jeito Serre: realismo tingido de otimismo - e vice-versa. Suas últimas coleções apresentam alfaiates incríveis usados ​​com máscaras faciais, mostrando uma intuição quase mística sobre para onde a vida está se encaminhando de maneira muito triste. No entanto, apesar de todos os tremores apocalípticos, há uma sensação de esperança e de futuro percorrendo o que ela mostra também - um chamado para escapar por todos os meios, mas não sem realmente reconhecer o lugar a que chegamos.

“Under Wraps”, fotografado por Zoë Ghertner, foi publicado na edição de julho de 2018 da revista.